Logo Govoni Marketing Digital

Blog

Acompanhe nossas dicas sobre marketing digital
Principal / Blog

Dez dicas para suas fotos feitas com o celular ficarem melhores.


O acesso fácil á tecnologia nos tempos atuais, tem nos permitido registrar cada momento de nossas vidas em diversos ângulos, e em uma velocidade e quantidade cada vez maior. Seja a selfie no happy com os amigos, ou uma foto do evento de sua empresa, com um smartphone na mão é possível registrar o momento em foto ou vídeo. E para ajudar a deixar as suas fotos e vídeos pessoais e profissionais ainda melhores, separamos dez dicas fáceis pra você começar a por em prática. Confira:

1 - Antes de usar a câmera de seu smartphone limpe a lente: Parece óbvio, mas é importante e muitas vezes não nos damos conta. Ao contrário de uma câmera profissional, que os fotógrafos carregam em sua mala protegida, o seu celular fica no o seu bolso, na mesa do escritório, dentro da bolsa e entre outros lugares. Esse é um dos principais motivos porque fotos de celular acabam ficando borradas. Nada mais é do que sujeira e gordura acumuladas na lente. Com um tecido suave – de preferência algodão, dê uma passada leve pela lente para tirar as impurezas que estiverem por lá.

2 - Enquadre seu celular horizontalmente: Fotos e vídeos verticais tendem a comprometer a sua utilização, ainda mais se a captação da imagem e do vídeo for de cunho profissional. Lembre-se que é importante prever espaço trabalhar a imagem antes de sua utilização, como com a colocação de texto ou ícones por exemplo.

3 - Priorize a câmera de traz de seu smartphone: A câmera frontal do seu celular tem uma resolução muito menor do que a câmera de trás. Isso porque a câmera da frente foi feita mais para vídeo-conferência do que para fotos, enquanto a traseira tem mais megapixels, a unidade de resolução.

4 - Foco: Para garantir o foco de sua foto, leve em consideração duas coisas, a configurações da câmera do seu celular e a sua estabilidade. É importante aprender quais as configurações de foco que seu celular permite no momento das fotos. Muitos permitem alterações como foco manual (você define onde quer focar, ao invés de ser automático), e foco semi-automático avançado. Mexendo nessas configurações é possível criar todo o tipo de efeito, ao se focar em um objeto e borrar o fundo, e o contrário.

5 – Mãos firmes: Procure encontrar uma posição mais estável para segurar o celular. A maioria das pessoas sente mais firmeza que quando o braço está bem próximo do corpo ou todo esticado. Descubra qual a melhor opção pra você. Apertar o botão que tira a foto com a outra mão evita tremidas também. Para vídeos parados, dê preferência ao uso de um tripé ou algum suporte, para fixar o celular enquanto grava o vídeo.

6. Regra dos Três: Na hora de definir o que será enquadrado em uma foto ou vídeo, existem várias regras conhecidas. A mais famosa e fácil de utilizar é a regra dos três. A regra diz que nossos olhos são atraídos naturalmente por imagens divididas em três partes, com o objeto principal um pouco fora do centro. Uma forma fácil de aplicar isso é de imaginar duas linhas horizontais e duas linhas verticais cortando a tela em tamanhos iguais. O objetivo é posicionar o objeto que você quer focar no encontro de duas dessas linhas. Algumas câmeras já vêm com a opção de ativar as linhas na tela no momento da foto.

7 – Luz: Localize de onde vem a luz ambiente. Se você tiver dificuldade, veja onde está formando a sombra dos objetos ao seu redor. Se estiver para esquerda você sabe que a fonte está na direita. Caso não tenha praticamente sombra, é porque a luz vem de cima do objeto. Procure evitar que a luz esteja atrás do objeto foco da sua foto. Quando a luz está atrás, você só consegue ver a silhueta, mas nenhum detalhe do objeto. Logo, busque posicionar o objeto de frente para a fonte de luz, e tire uma foto exatamente na frente ou ao lado dele. Caso não possa evitar a luz ambiente vindo de trás do objeto, use o flash. Esse é o único caso que é recomendado usar o flash natural da câmera, nos outros casos recorra à luz natural mesmo. Além disso, em ambientes abertos evite fazer fotos e vídeos com sol forte, opte por horários em que ele esteja mais baixo, como inicio da manhã ou fim de tarde. Ele atrapalhará o brilho e contraste de sua imagem ou vídeo.

8 – Não use o zoom: Diferente dos zooms ópticos de câmeras profissionais, que se movimentam e saltam do aparelho, o zoom digital nada mais faz do que aumentar o tamanho dos elementos e cortar as bordas. Em outras palavras, você tem o mesmo efeito se tirar uma foto sem zoom, e no computador fizer essa edição de tamanho e corte. Mas, ao utilizar o zoom digital, além de fazer algo que você poderia fazer depois, ele ainda limita suas opções de edição por tirar pedaços da foto.

9 – Cuidado com a captação do áudio: essa vale apenas para vídeos. A captação do áudio é bem importante. Ainda mais, se o vídeo visa divulgar um produto, serviço ou promoção. Evite gravar vídeos em ambientes abertos sujeitos a barulhos como vento, carros, animais etc. Quanto mais limpo e focado o áudio melhor é a compreensão.

10 – Prática leva a perfeição: Não espere melhorar suas habilidades de fotografia sem abusar da prática. Quanto mais praticar mais afinado ficará o seu olhar e a sua técnica. Aproveite as dicas acima e pratique sem moderação.
 

Junte- se a nós

Nos siga nas redes sociais e conheça mais sobre nosso trabalho.
Govoni Marketing Digital