Logo Govoni Marketing Digital

Blog

Acompanhe nossas dicas sobre marketing digital
Principal / Blog

Relatorio do Varejo 2022


Relatório do Varejo  Junho - Mês dos Namorados

As Projeções feitas para Junho:

O mês de junho é caracterizado pela intensificação do clima mais frio, marcado pela transição do outono para o inverno. A data comercial mais aguardada do período, o Dia dos Namorados, gerou uma projeção de crescimento nas vendas de 2% em relação a 2021. 

 A Neotrust, empresa de inteligência que monitora o e-commerce brasileiro, projetou que o  faturamento do comércio eletrônico atingisse cerca de R$ 6,7 bilhões com o Dia dos Namorados em 2022. Além disso, era esperado que o número de pedidos alcance 14,2 milhões no período, um aumento de 1% quando comparado com os dados do mês anterior.

Resultados:

O comércio físico apresentou um crescimento nas vendas na semana da data comemorativa, conforme o esperado. Houve um aumento de 4% entre os dias 6 e 12 de junho, segundo dados da Serasa Experian.

Porém, apesar do resultado positivo, ficou abaixo à recuperação experimentada em 2021, de 13,7%. O Dia dos Namorados também ficou abaixo do Dia das Mães deste ano, que teve uma recuperação de 6,9%.

O varejo físico teve um aumento de 5,5% na média nacional no final de semana do Dia dos Namorados.

Luiz Rabi, economista do Serasa, acompanhou a pesquisa e explicou que essa desaceleração pode ser consequência de um período de instabilidade econômica, iniciado com a pandemia. Houve uma queda histórica de 27,8% no dia em que foi comemorada a data.  “Além disso, a mudança da prioridade de consumo dos casais brasileiros e a marca de 11 milhões de desempregados, segundo o IBGE, também são fatores capazes de justificar o aumento moderado”, finalizou o economista.

No comércio online de acordo com um levantamento realizado pela SmartHint, pertencente ao Grupo Magalu, o tíquete médio na data foi de R$ 375,33, 8,86% a mais do que o registrado em 2021. O levantamento aponta ainda que os segmentos de moda e acessórios foram os mais buscados na plataforma, seguidos de perfumes, cosméticos e saúde e os artigos de livraria ficaram em terceiro lugar.

As lojas que oferecem um bom sistema de busca e recomendação tiveram um aumento de 184% nas vendas, mostrando que isso faz toda diferença para o consumidor. Oferecer uma boa experiência de compras, aliada às ferramentas certas, é essencial para o sucesso do negócio.

O Dia dos Namorados é a terceira data mais importante para os lojistas, atrás somente do Natal e do Dia das Mães. Em 2021, rendeu um faturamento de cerca de R$ 6 bilhões para o varejo virtual nacional, segundo a Neotrust. A previsão é de que, apesar da inflação, as vendas online tenham crescido 5% em relação a 2021. O faturamento total previsto é de R$ 6,7 bilhões.


Os próximos meses do Varejo:

As tendências de crescimento do varejo estão divergindo. Enquanto alguns setores apontam aumentos significativos, outros não demonstram tanto crescimento.

O Varejo Restrito deve crescer nos próximos dois meses, segundo as projeções. Em julho, o aumento será de 0,77% em relação a junho e, em agosto, de 0,20% em relação a julho. No entanto, essas tendências são diferentes quando comparadas com os mesmos períodos do ano passado.

As vendas devem cair 1,98% em julho na comparação com o mesmo período no ano passado. Enquanto isso, a variação de agosto deve apresentar aumento de 2,30% na comparação com 2021.

***

Relatório do varejo do mês de Maio


O ápice do mês de maio foi a comemoração do dia das mães, afinal, em 2022 o Brasil finalmente pode retornar ao cumprimento efetivo de suas comemorações festivas. Em resposta ao novo cenário, o dia das mães desse ano teve o aumento de suas vendas em 6,5% em comparação ao ano passado, um aumento significativo desde 2012 que traz esperança para muitos comerciantes.


Dentro dessa estatística, alguns nichos sobressaíram-se enquanto outros obtiveram quedas drásticas. Nesse ano, houve uma queda significativa na procura de presentes como utilidades domésticas, móveis, eletrodomésticos e eletroportáteis no valor de 9,5%. Mas os restaurantes possuem uma recuperação magnífica, em relação ao período homólogo, proprietários relatam aumentos de 30% a 40% das vendas.


Além dos aumentos do dia das mães, podemos notar que na passagem de abril para maio, a Intenção de Consumo das Famílias (ICF) registrou um crescimento de 4,4%. É a quinta alta consecutiva do indicador no país inteiro, medido pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).


Esse aumento aponta para a estatística do relatório Global Payments Report, divulgado em março de 2022 pela Worldpay from FIS, que até 2025, as vendas do e-commerce no Brasil devem subir 95% (praticamente dobrar o volume) e 55,3% no mundo. Visto que o valor de vendas executadas por e-commerce superaram as vendas em lojas físicas, mesmo em empresas que oferecem as duas modalidades de compra.



COVID-19 e o Varejo


Com a queda das regras de distanciamento e a estabilização emocional da população, pôde-se notar um crescimento expressivo na movimentação do varejo desse ano. Seja pela estabilização da taxa de desemprego ou pelo crescimento do desejo de compra entre a população com renda mais baixa.


Contudo, um setor está diante a um risco iminente, o agronegócio brasileiro. Visto que uma nova onda de COVID-19 afeta a China e ela entrou em lockdown para conter o avanço da doença e gera prejuízos para a exportação de carne vermelha no Brasil.



Feira brasileira do Varejo


A feira brasileira do varejo ocorreu nos dias 24, 25 e 26 de maio, no centro de eventos da FIERGS, em Porto Alegre. A feira movimentou mais de 10 milhões em investimentos. Esse valor é 12% superior ao resultado da última edição presencial, em 2019, segundo o Sindi lojas Porto Alegre, realizador da FBV.



Dica para junho


No início do mês de junho, comemora-se o Dia dos Namorados. Data que movimentará cerca de R$ 18 bilhões no mercado brasileiro. Uma dica é adiantar-se com propaganda desde o início do mês dos namorados. Os setores privilegiados com essa data são:


  • De modo geral, roupas, perfumes, chocolates e refeições fora de casa.

  • Na categoria de eletrônicos, os games são a primeira opção de presente.

  • No segmento de bebidas, vinho (31%) e cervejas artesanais ou importadas (30%) estão no topo da intenção de compra.


Portanto, aproveite para expor, o melhor possível, esses produtos tão aclamados pelo público.





* * *




Relatório do Varejo de Abril - O mês da páscoa!


O mês de abril foi recheado de muitas comemorações, entre elas, destacam-se a semana santa, a páscoa e o dia do livro, datas simbólicas para a maioria dos brasileiros. Além disso, elas estão entre as principais datas do calendário do varejo no primeiro semestre, ou seja, as que possuem um maior fluxo de vendas. 


Para os vendedores de chocolates, vinhos, peixes, livros e roteiros turísticos, foi um mês e tanto! Afinal, esses são os itens mais procurados nessa época do ano.


Apesar disso tudo, as vendas online ganharam destaque nesse mês, e as mesmas marcas faturam valores superiores no meio digital em comparação às suas lojas físicas. Pode-se afirmar que grandes ações de marketing digital, específicas para aplicativos e e-commerces contribuem para esse cenário. 


Diante desse contexto, o mês de Abril agregou ao varejo um capital de R $2,16 bilhões de reais.


Contudo, como nem tudo são flores, a maior bomba do mês de Abril, sem dúvidas, foi a queda da bolsa em grandes empresas do mercado digital, que chegou a quase 30%, o pior resultado desde 2020. Essa queda foi consequência do período de Pandemia que superamos, e os maiores prejudicados foram as empresas Via (VIIA3) e Magazine Luiza (MGLU3).



Essas são as maiores quedas do Ibovespa em abril:


  • Locaweb (LWSA3): -29%

  • Via (VIIA3): -28%

  • Natura (NTCO3): -28%

  • Magazine Luiza (MGLU3): -28%

  • Banco Inter (BIDI11): -28%



‘Certo, mas o que é IBOVESPA e como esse índice negativo me afeta?’


Ibovespa é como chamamos o Índice Bovespa, o indicador mais importante para medir o desempenho das ações no Brasil. Ele é como um “termômetro” do mercado de ações. Portanto, ainda que não tenhamos nenhum investimento em ações, se observarmos, rapidamente, o fluxo de crescimento ou a queda desse índice, teremos um excelente parâmetro a respeito do mercado brasileiro dentro do setor de seu interesse. 


Um exemplo disso, é que na queda dos índices do mês passado, pode-se observar que os fechamentos das contas mensais dessas empresas acabaram no vermelho, provavelmente, por um alto valor de juros, alto nível de inadimplência e desemprego pós pandêmico, ou seja, baixo poder de compra da população.



Diante desse cenário, como posso me preparar para o mês de maio?


Primeiro, você deve estar atento a uma outra data importante do calendário do varejo, o dia das mães, que ocorrerá no dia 08 de maio (domingo). Para essa data, nenhum setor ficará de fora e poderá investir bastante esforço para conquistar ainda mais vendas. Portanto, nesse mês, seja criativo ao prospectar os seus novos clientes.


Você, também, deve atentar-se ao crescimento do meio digital, esteja no lugar que vende mais e cobra menos, a internet! Para isso, você deverá preparar-se, com ações de Marketing digital visando alcançar o seu melhor público.


* * *


MOMENTO DO VAREJO | MARÇO


A informação é a parte essencial do planejamento de qualquer negócio. Independente das suas  proporções, é necessário que você esteja antenado naquilo o que está acontecendo e no que ainda irá ocorrer na economia regional e nacional. 


Portanto, para facilitar o acesso à informação, a Govoni Soluções Digitais preparou essa grande solução para a sua gestão. Trata-se de um resumo dos principais fatos que estão movimentando o comércio neste momento! Além disso, preparamos um bônus, no final do texto, para você se preparar para o mês que está chegando, incrível, não? 


Se você se interessou, veja alguns dos eventos, relevantes aos varejistas da região metropolitana da capital gaúcha, que aconteceram no decorrer do mês de março, em seguida, a nossa dica de ouro!



Dia Internacional do Consumidor


Em primeiro lugar, nós temos que falar do Dia Internacional do Consumidor, que ocorreu em 15 de março de 2022, foi convertido à semana do consumidor em muitos comércios da região metropolitana de Porto Alegre. 


O evento, que já era aguardado pelo público, movimentou milhares de pessoas até as lojas devido às ações de marketing que permeiam a data e uma série de promoções disparadas pelas empresas, o ponto alto do evento. 


A data está entre as mais importantes do primeiro semestre no calendário de compras do varejo. Ela foi instituída para comemorar a constituição do direito do consumidor, e torná-lo à tona.



O retorno de grávidas ao trabalho presencial


Publicada Lei que prevê o retorno de grávidas ao trabalho presencial. O projeto de Lei 2058/21 foi sancionado no dia 8 de março pelo presidente da república, Jair Bolsonaro. 


As gestantes devem retornar ao exercício da função presencialmente, salvo se a empresa determinar o teletrabalho, conforme as seguintes condições:

  • Após a conclusão do seu esquema vacinal contra o Coronavírus

  • Após o encerramento do estado de emergência da pandemia 

  • Mediante a assinatura de um termo de responsabilidade pela não vacinação da gestante.


Liberação do uso de máscaras no comércio de Porto Alegre


Essa notícia foi muito aguardada pelos consumidores! O uso de máscaras em locais fechados públicos e privados passa a ser facultativo em Porto Alegre a partir do dia 18 de março. As exceções são o transporte coletivo e estabelecimentos de serviços de saúde, onde segue obrigatória a proteção.



Abono Salarial (PIS 2022)


Quem não gosta de um dinheiro extra no bolso? Outro evento que movimentou, e ainda está movimentando, o comércio da capital é o Abono Salarial (PIS 2022). Esse evento pode injetar cerca de R $20 bilhões na economia do Brasil. Colaborando para a retomada da economia do país. 


Você já se planejou para esse evento? Uma dica é chamar a atenção desse cliente através do Marketing Digital e movimentar a economia da sua empresa!


Dica de Ouro!


Você não precisa trabalhar no ramo alimentício para investir em publicidade nesta páscoa! Há muito, o público está deixando de comprar o bom e tradicional ovo de chocolate, para investir em outros presentes nesta data. 


Seja criativo e inove nesta Páscoa. E, se você precisar, nós da Govoni estamos disponíveis para te ajudar!

Junte- se a nós

Nos siga nas redes sociais e conheça mais sobre nosso trabalho.
Govoni Marketing Digital